Ads Top

Crítica | Nós

📷 Universal Pictures / Divulgação

Texto: Victor Caycke
Nós, que estreia nos cinemas brasileiros nesta quinta-feira, 21 de março, é um longa-metragem bastante interessante, com uma trilha sonora excitante, que segue uma linha um pouco diferente em relação ao filme Corra de 2017, do mesmo diretor e roteirista Jordan Peele, que conquistou um grande público e admirado pela crítica. 

Mantendo uma fotografia impecável mesmo sendo o mesmo diretor / roteirista. O filme inicia nos anos 1980 e vai para os dias atuais após uma revelação bastante intrigante da personagem principal Lupita Nyong'o (que interpreta Adelaide Wilson). Quando a personagem se sente atraída por alguma energia e a mesma se vê diante de uma garotinha igual a ela.

Em seguida, já nos dias atuais, Adelaide é casada e mãe de um casal de filhos. Juntos eles partem para uma viagem à praia de Santa Cruz, o mesmo local em que ela havia se perdido. O filme se desenvolve em uma situação onde toda a família se vê ditante de uma outra família igual a eles tanto na aparência, quanto na personalidade.

Os invasores conseguem adentrar dentro da residência. O mistério do filme é a busca incessante da família Wilson em descobrir o por que dessa invasão e o motivo pelo qual eles querem assassina-los e até em que ponto será possível, ou não, fugir dessa corrida pela sobrevivência.

Nós não é um filme pra quem busca somente se assustar, mas para tentar desvendar os pequenos enigmas e mistérios que ficam cada vez mais complicados de serem resolvidos ao longo da mais nova produção do gigante Jordan Peele.

Assista ao vídeo:


    Nenhum comentário:

    Tecnologia do Blogger.